domingo, 15 de maio de 2011

Fundamentalistas

Retirada d' O Expresso
Deparei n' O Expresso online com esta triste notícia que nos EUA, esse bastião da liberdade, um jornal publicou esta imagem do "estado-maior" da Casa Branca a assistir, qual sessão de cinema, ao ataque a Bin Ladin. O estranho da dita é que as mulheres presentes foram retiradas digitalmente da foto por, escreve-se, serem imagens sexualmente estimulantes.
Dir-se ia que foram publicadas por uma qualquer facção muçulmana extremista, mas não. São extremistas, sim, mas judeus.
E esta heim?

2 comentários:

AVOGI disse...

já tinha lido essa noticia e acho deprimente que as mulheres sejam literalmente raspadas da fotografia
kis .=)

Henrique Marques disse...

Deprimente mesmo!